Melhorar a gestão de custos do seu negócio é fundamental para que a empresa continue a crescer e tenha caixa suficiente a fim de bancar seus projetos de expansão. Algumas atividades cotidianas devem ser revistas e suas abordagens podem ser adaptadas. Nesse caso, é importante reavaliar os atuais gastos com pedágio que seu projeto enfrenta.

Seja com o objetivo de fazer acompanhamento de clientes, visitas para ajustes ou participação em eventos de sua área, os gastos relativos a pedágios conseguem produzir um grande impacto nas contas da corporação. Se você também precisa encontrar maneiras de reduzir os gastos de sua empresa, continue a leitura e confira nossas dicas!

Quais são os gastos com pedágio?

Um dos principais valores que interferem no gasto com o pedágio é o da tarifa quilométrica. Tal indicador define o quanto vale cada quilômetro da rodovia em questão. Isso significa que um número grande de praças de pedágio pelo caminho pode reduzir o preço cobrado por cada uma delas, por conta da existência de menos quilômetros para serem cobrados.

Isso significa que a tarifa quilométrica é multiplicada por fatores reduzidos, relacionados com a distância coberta pela empresa responsável. Desse modo, considerar os gastos com pedágio é importante com o intuito de estipular rotas mais econômicas e vantajosas para seu negócio.

Outro fator que interfere nos valores cobrados pelo pedágio é o número de serviços oferecidos aos motoristas ao longo do trajeto. Atendimentos médicos, guincho, reparos nas vias, por exemplo, elevam o valor exigido para circular nesse trecho da rodovia.

Como reduzir os gastos com pedágio?

Entender como reduzir as despesas com pedágio pode ajudar sua empresa a ganhar eficiência e aumentar a lucratividade. Para isso, existem algumas dicas que podem lhe auxiliar nessa tarefa. Confira mais abaixo.

1. Defina rotas

Estabelecer rotas é uma estratégia importante a fim de conseguir reduzir não apenas os custos com pedágios, mas com combustível e com depreciações do veículo. Imagine que sua frota percorre uma região com muitos buracos quando há um caminho mais próximo e com menos percalços.

Ao pesquisar rotas e fazer a definição de quais são as melhores, você consegue diminuir os custos de pedágios, ganhar eficiência em sua operação e, consequentemente, aumentar a lucratividade de seu negócio.

Uma boa forma de fazer isso é contar com o uso de tecnologias e realizar boas pesquisas para definir quais são as melhores rotas para entregar as demandas que surgem em sua empresa.

2. Realize um planejamento

Após compreender quais são as rotas possíveis para efetuar as entregas, o próximo passo é fazer um planejamento que seja eficiente. Nesse sentido, vários aspectos devem ser considerados para ter um plano claro e que dê resultados.

Por exemplo, é importante definir o prazo de entrega de forma inteligente para aumentar a satisfação do cliente, entender as condições das vias para evitar problemas na frota e estabelecer uma rotina de entregas que auxilie os motoristas a manter uma boa produtividade.

Ter uma boa etapa de planejamento é tão importante quanto a execução dos serviços. Portanto, invista tempo e recursos para fazê-la de modo otimizado. Com isso, você assegura que as entregas sejam feitas no prazo, define trajetos de forma eficiente e reduz os custos com pedágio e outros fatores.

3. Atente-se aos demais custos

Como dito, os serviços da transportadora não incorrem apenas nos custos relacionados aos pedágios, e considerá-los no momento de planejar suas entregas é essencial para maximizar a lucratividade da empresa e conquistar resultados expressivos.

Por exemplo, é importante entender de que forma você pode diminuir os gastos com combustíveis. Outro ponto são os salários dos motoristas. É fundamental definir tais valores de forma a motivar seus colaboradores para ter bons retornos e diminuir a rotatividade.

Há ainda gastos como manutenção da frota, valores relacionados aos documentos para operação e muito mais. Dessa forma, é essencial entender tais custos e estabelecer um planejamento estratégico que auxilie seu negócio a obter receitas altas com despesas baixas.

4. Priorize o pagamento eletrônico

Enfrentar as filas gigantescas que ocorrem em muitas praças de pedágio significa atrasar suas entregas e perder eficiência em sua operação. A boa notícia é que existem recursos que podem ajudar a ganhar agilidade quando existirem pedágios nas rotas estabelecidas.

Já observou veículos passando em cancelas que se abrem automaticamente nos pedágios? Tal recurso pode ser implementado em sua empresa também. Quando você utiliza uma TAG, todo o processo de pagamento é feito de forma eletrônica. Dessa maneira você evita filas longas e pode seguir a viagem até o destino de entrega.

Vale procurar uma empresa especializada para começar a usar tal recurso quanto antes. Assim, além de diminuir custos operacionais, você ganha agilidade e pode aumentar a satisfação dos consumidores que usufruem dos serviços do seu negócio.

De que forma a TAG de pedágio pode ajudar?

Uma TAG de pedágio é um sistema de cobrança automática, ou seja, um recurso que libera o motorista de ter de parar nas cabines e efetuar o pagamento em dinheiro. O registro é feito de maneira automática por um software que confirma a cobrança da empresa vinculada ao motorista ou à sua própria corporação.

Esse sistema funciona com base em um dispositivo eletrônico instalado no veículo, também conhecido como TAG. Ao aderir a esse recurso, sua organização consegue melhorar o planejamento do fluxo de caixa com as viagens, já que o controle das viagens pode ser feito por meio do sistema da empresa contratada, e ainda consegue reduzir drasticamente os seus custos.

Tal redução é proveniente da diminuição do gasto de combustível durante a espera e também pelo menor tempo de viagem, ao conseguir evitar as filas do pedágio. Dessa forma, seu negócio consegue manter suas viagens de modo mais barato, rápido e seguro. 

Viu como é possível reduzir os gastos com pedágio da sua corporação? Além de circular com mais segurança e praticidade, contar com a tecnologia pode fazer seu negócio economizar um bom dinheiro. Assim, é possível otimizar o planejamento estratégico e ampliar os investimentos da empresa. 

Gostou do nosso artigo? Então, compartilhe este texto em suas redes sociais e contribua para que outras pessoas saibam como melhorar sua gestão de custos com pedágios!